Curadoria de Conteúdo e Pesquisa em Blockchain é o mais novo projeto ICoLab Brasil

Curadoria de Conteúdo e Pesquisa em Blockchain é o mais novo projeto ICoLab Brasil

No iCoLab, pesquisa é coisa séria. E para dar corpo ao novo projeto, reunimos profissionais e estudantes de diversas áreas do conhecimento, entusiastas de blockchain de todo o Brasil, para atuarem de forma colaborativa e voluntária na construção do nosso repositório de conteúdo científico sobre o tema. 

O projeto de Curadoria de Conteúdo e Pesquisa em Blockchain, idealizado em conjunto pelos Associados Fundadores do iCoLab Sandra Marlene Heck e Marcelo De Nardi, surgiu da constatação de que a produção intelectual sobre blockchain e temas correlatos é muito diversificada e esparsa, variando desde os conteúdos puramente jornalísticos até artigos acadêmicos com rigor científico e profundidade. O objetivo desta iniciativa é catalogar material relevante, aplicando uma avaliação simplificada por Pesquisadores Associados, de modo que essas referências estejam organizadas, disponíveis e com acesso facilitado à consulta. Para Sandra, a relevância deste projeto está no valor compartilhado com a sociedade. “Produzir conhecimento e gerar valor em rede fazem parte da nossa missão no instituto. Este projeto de curadoria aproxima e acolhe pesquisadores de todo o Brasil que são empreendedores, motivados a transformar conhecimento em inovação e impactar de forma positiva os negócios e a sociedade como um todo”, afirma a pesquisadora e Diretora-Presidente do iCoLab Brasil.

A chamada de interessados aconteceu por meio das redes sociais, no final de 2020, quando foram registradas mais de 50 inscrições. Os inscritos foram convidados a participar de uma conversa online, onde foram apresentadas a estrutura do iCoLab e a proposta de trabalho do grupo de pesquisa. Aqueles que confirmaram sua participação no projeto, foram divididos em grupos temáticos e integrados ao instituto como pesquisadores associados. A coordenação geral das atividades está a cargo de Marcelo De Nardi, que é professor no Mestrado Profissional de Direito da Empresa e dos Negócios na Unisinos, e ele destaca a ideia de ordenar o conhecimento, facilitando a seleção do que interessa a um Pesquisador, como o potencial que move o projeto. “O cronograma de atividades está sendo cumprido com um pequeno atraso, mas está evidente o engajamento dos participantes e a expectativa de que os resultados sejam os esperados. Já há novos desafios se apresentando, revelando a atratividade da iniciativa”, avalia ele.

O estágio de validação do método aconteceu nos meses de janeiro e fevereiro de 2021. Em março, partimos para o período de produção nos grupos de trabalho (organizados em Administração, Direito, Ciência da Computação e Filosofia/Sociologia), que deverá seguir até o final deste primeiro semestre. Uma nova convocação de Pesquisadores Associados está sendo preparada, visando a ampliar a capacidade de avaliação e também a base de conteúdos a avaliar. Interessados em colaborar com o projeto podem responder o formulário aqui até o dia 20 de abril.

Conheça mais sobre nós: iCoLab 

O iCoLab é um hub colaborativo de inovação que conecta e desenvolve pessoas e organizações na economia digital. Temos o propósito de disseminar e gerar conhecimento científico, tecnológico e de inovação usando tecnologias transversais como Blockchain. Estamos organizados em três pilares: Pesquisa, Social e Mercado para fazer a conexão entre os ecossistemas de geração de conhecimento e do empreendedorismo, transformar conhecimento em valor (PAPER em PIB) para impactar de forma positiva os negócios e a sociedade construindo um mundo de abundância.

14220login-checkCuradoria de Conteúdo e Pesquisa em Blockchain é o mais novo projeto ICoLab Brasil